Animação define este lindo casamento no Gávea Golfe.

Noivos : Marcela Nunes e Conrado Freire

◊ ANTES DO CASAMENTO

História do casal: Nos conhecemos em um lugar jamais esperado. Era um sábado de Carnaval em Salvador (meu primeiro carnaval em Salvador e o terceiro do Conrado), mais especificamente no dia 09.02.2013. Nos encontramos pela primeira vez em pleno Camarote Salvador e foi quando demos nosso primeiro beijo. Durante o carnaval, entre blocos e camarotes continuávamos a nos encontrar e a desencontrar com muita frequência.

O último desencontro durou 3 dias, de terça de carnaval até sexta, dia do nosso primeiro “encontro” e o último “encontro” de nossas vidas de solteiros. Aliás, o encontro foi quase de um final de semana inteiro.

Somos um casal bem carioca: gostamos de praia, tomar chope, sair com os amigos e fazer outros programas tipicamente cariocas. Claro que ir ao Maracanã ver o Flamengo jogar não poderia ficar de fora. Mas a nossa maior paixão é viajar! Nesses 3 anos e meio juntos já exploramos a Ásia, a África e a América do Norte, pretendemos conhecer todos os continentes. Sempre terminamos uma viagem pensando na próxima.

O pedido de casamento: Era meu aniversário de 29 anos e sempre gosto de comemorar. Estava na dúvida se fazia uma super festa nos meus 30 anos ou se aproveitava para fazer logo. Nesta minha dúvida o Conrado colocou a maior pilha para eu fazer e decidi fazer uma pool party com uma amiga na casa da avó do Conrado, afinal era janeiro e verão no Rio.

Uma festa para umas 100 pessoas, com DJ e tudo que tinha direito. O Conrado super ajudou na arrumação e ficou bebendo desde cedo, mas até ai tudo bem, mas de repente ele pegou o microfone e começou a se declarar, mas até ai eu não imaginava… afinal não tínhamos nem dois anos de namoro e íamos fazer duas viagens naquele ano, e então, ele fez o pedido! Foi lindo!

Ele já tinha combinado com o DJ, sua mãe e alguns amigos já sabiam. Não poderia ter sido melhor e mais surpreendente, afinal era um dia especial com todas as pessoas mais especiais ao nosso redor. Foi incrível!

◊ O CASAMENTO

Os preparativos: Ficamos noivos no dia 24.01.15, um sábado, e logo na segunda fomos marcar a data do casamento. Tínhamos 1 ano e meio para organizar tudo e foi ótimo, pois conseguimos todos os fornecedores que queríamos e fizemos tudo com calma. Mas confesso que poderíamos ter casado antes!

Os preparativos foram tranquilos, mas claro que tivemos alguns momentos de tensão, principalmente conforme o dia foi se aproximando!

O Conrado foi super participativo, o que foi ótimo, no dia ele sabia de tudo (ou quase tudo…hehehe) e fizemos tudo com a nossa cara! Minha sogra também participou na escolha da decoradora e em alguns outros detalhes. Mas sem dúvida minha mãe foi essencial nos preparativos!

Contratamos o cerimonial da Thais Carvalho Dias, que já tinha feito o casamento da minha irmã há 8 anos, e tinha sido uma ótima experiência. Então, não pensamos duas vezes.

O vestido de noiva: Escolhi a Madalena Salim, que também já tinha feito o da minha irmã e tinha ficado maravilhoso. Tinha certeza que não queria modelo tomara que caia e que não poderia ser todo de renda por causa da mantilha da minha mãe que eu ia usar. Procurei várias inspirações, fui na Pronoivas para ter alguma ideia, Pinterest e Instagram, separei algumas ideias até que um dia minha mãe falou que tinha separado um modelo que ela tinha amado e quando vi era o mesmo que eu já tinha separado. Era um modelo Elie Saab para ProNovias, pronto! Estava decidido que criaríamos algo em cima daquele modelo. Ficou maravilhoso!

Usei a mantilha que a minha mãe e minha irmã usaram em seus respectivos casamentos e minha grinalda eram flores feitas do mesmo tecido do meu vestido, ficaram incríveis.

Meu vestido tinha uma cauda bem longa e tinham pequenos botões da cintura até o final da cauda, eu queria entrar e dançar a primeira dança sem prendê-la, e foi o que fiz. Depois prendi e ficou lindo, porque ele prendia por dentro e não dava nem para perceber que estava preso.

Dica: Use algo que valorize as partes bonitas do seu corpo e confortável. Faça um vestido de noiva e não um vestido como se fosse para uma festa qualquer, afinal é o único dia que temos que usar algo para nos diferenciar das demais! E quando decidir o modelo, não veja mais nada.

Acessórios: Não tinha dúvidas que usaria a mantilha da minha mãe e queria flores no cabelo, como tive dificuldade em escolher uma flor natural optei por uma do mesmo tecido do meu vestido e ficou incrível. Meu brinco era da minha bisavó e no dia do casamento minha mãe me deu um anel que era da minha avó.

Making ofDecidimos que não nos veríamos durante a semana do casamento para dar mais emoção e assim foi. Na verdade, nos vimos pela última vez na 2ª feira e o casamento foi no sábado.

Me vesti com a minha mãe e minha sobrinha no Copacabana Palace e foi uma delícia. Chegamos cedo lá, ficamos um pouco na piscina e depois começamos os preparativos. Foi um dia super gostoso e eu estava bem tranquila. O frio na barriga veio quando entrei no carro com o meu pai em direção à Igreja.

Meu pai, minha irmã e o resto da família me encontraram antes de irmos para Igreja para tirarmos algumas fotos.

E o Conrado passou o dia em casa na piscina com os padrinhos e família. Segundo ele, estava bem nervoso, mas eles alugaram uma van para ir à Igreja e foi descontraindo.

Cerimônia: Desde que minha irmã casou, há 8 anos, na Nossa Senhora do Carmo da Antiga Sé, eu fiquei apaixonada por essa Igreja, tinha certeza que meu casamento seria lá.

Queríamos casar durante o inverno, antes das Olimpíadas e em noite de lua cheia. A noite de lua cheia seria 16.07, mas era dia de Nossa Senhora do Carmo e a Igreja estaria fechada, então decidimos por um fim de semana antes.

Quando a porta da Igreja abriu bateu aquela emoção: entrar com o meu pai, ver todo mundo ali e o Conrado me esperando. Outros momentos emocionantes foram quando o Padre Zé Roberto falou da nossa história e quando nossos sobrinhos entraram com as alianças. O Padre Zé Roberto tem uma relação bem próxima com a minha família há muitos anos e além disso gostamos muito do discurso dele, ele fala super bem, por isso o escolhemos.

Padrinhos e madrinhas: Tivemos 21 casais. Os padrinhos usaram meio fraque e para as madrinhas apenas pedi que usassem cores alegres.

Damas e pajens: 7, 4 meninas e 3 meninos, da família e filhos de amigos. As meninas usaram vestido de renda renascença, comprada em Salvador, com um laço atrás e uma coroa de flores na cabeça e os meninos usaram camisa de manga curta, calça branca com faixa, gravatinha borboleta bege e sapatinho branco. Apenas a dama mais novinha não entrou, os demais entraram! Muito lindos!!!

Local da festa: Queríamos um lugar com cara de casa, aconchegante, com jardim e que não fosse no Alto da Boa Vista. A família do Conrado tem uma história de longa data com Gávea Golf, inclusive os pais dele se casaram lá e os avós dele frequentavam bastante. O grande problema era que o casamento só poderia ser na 6ª feira, então descartamos e continuamos a saga por um lugar que preenchesse os nossos requisitos.

Depois de tanto insistirmos conseguimos que o casamento fosse sábado no Gávea, e não poderia ter sido mais incrível. Foi muito melhor do que sonhamos.

Decoração: Idealizamos o projeto junto com o decorador e atendeu todas as nossas expectativas. Defini que as cores seriam azul, laranja e amarelo e queria algo simples, chique e rústico, algo que parecesse como uma festa em casa. Os arranjos de flores ficaram lindos e amei as velas penduradas no teto, deram um visual super legal.

Música da festa: Fomos a dois casamentos há uns dois anos atrás que consideramos uns dos melhores casamentos que já fomos no conceito de animação e música. Então, quando ficamos noivos resolvemos perguntar aos dois casais quem tinha sido o DJ e a resposta foi a mesma: TAW! Então não pensamos duas vezes e, sem dúvida, podemos dizer que tivemos o melhor DJ do mundo no nosso casamento. A pista não ficou vazia em nenhum momento, eram amigos dos nossos pais dançando música atual e o pessoal mais jovem dançando música antiga. Maravilhoso!

Tivemos também o sax da própria Rastropop, foi sensacional. O saxofonista entrava na hora certa, era super discreto, entrava no clima e fazia o papel dele sem ser showman! Valeu a pena! Só ouvimos elogios e ficamos muito satisfeitos.

Tivemos alguns momentos marcantes: quando tocou a clássica “The Dog Days are Over” e todos desceram até o chão e levantaram juntos e Lua de Cristal, foi demaisss! Quando também tocou a música de introdução do Game of Thrones a gente não acreditou e a festa inteira se empolgou, sem falar no Axé, que não poderia faltar, afinal nos conhecemos em Salvador. Até mesmo quem não gosta, dançou de se acabar.

A nossa festa foi incrivelmente animada e durou muito tempo!

Buffet: Nosso buffet foi do próprio local. Como todos os noivos, a gente acabou não comendo muito. Comemos no começo um pouquinho e na parte do lanchinho da madrugada. Mas o comentário de todos é que estava muuuuito bom, especialmente o peixe.

Quando soubemos que teria que ser o Buffet do Gávea, nós falamos “ah a comida não será alvo de comentários, será gostosa, mas só isso.” Mas estávamos completamente enganados. A degustação foi incrível e depois do casamento o comentário de vários amigos foi que a comida estava excelente!! Ficamos muito felizes!!!

Tivemos cocktail de frios e quentes: bolinha de queijo, croquete, salmão defumado, crocante de pato e outros. Mini porções de risoto de cordeiro, bacalhau e escondidinho de carne seca servidos em bowls. E para o jantar raviole de queijo com molho ao pesto, badejo, picata de filet mignon, arroz de amêndoas, purê de batata com queijo emental, cenoura e cebola carameladas e salada com manga.

Para bebidas servimos espumante, vinho tinto, cerveja Stella Artois, Red Label, shot de Santa Dose e tivemos um bar de capirinhas, com saquê, vodka, cachaça e especiarias, além de Mojito de limão e de morango.

Na hora do shot colocamos garçons fantasiados de Chapolin, Rocky Balboa e Super Homem. Quando eles entravam tocava a música tema de cada um deles! Foi bem divertido e todo mundo achou engraçado.

Registros: Contrataram foto e filmagem, e usamos uma # para o Instagram. No dia seguinte é uma delícia ficar ver as fotos e vídeos que nossos amigos e familiares postaram.

Convidados: A festa foi para 400 convidados, para chegar neste número fizemos uma lista de 62o e fizemos RSVP ativo.

Dica: Faça uma lista dividida por quem está convidando e em um primeiro momento coloque todo mundo que você deseja convidar, depois vai reduzindo.

Meus convidados COM CERTEZA deixaram histórias para contar!!! A ANIMAÇÃO DE TODOS FOI ALGO FORA DO COMUM!! A festa não teria sido tão animada se não fossem nossos padrinhos, amigos e familiares. A pista não parou um minuto, os mais velhos dançaram até funk. Tinha gente querendo contratar nossos amigos para animar os casamentos hehehe! E quando a luz acendeu ainda tinha bastante gente na pista. Acho que se pudéssemos estaríamos lá até hoje.

◊ APÓS O CASAMENTO

Lua-de-mel: Fomos paras as Maldivas, África do Sul, Zimbabwe (Victoria Falls) e ficamos um dia em Dubai por causa da conexão. Não poderíamos ter feito melhor escolha. Maldivas é um paraíso e é muito bom para descansar depois de um turbilhão de emoções. A África é algo inexplicável, fizemos Safári no Kruger que foi simplesmente uma experiência inesquecível, conhecemos Cape Town e as vinícolas. Foi tudo incrível!

Dicas importantes sobre a organização pós casamento + lua-de mel + novo apartamento: 

– Já tínhamos começado a arrumar nossa casa, mas sempre fica faltando alguma coisa. Não adianta se estressar, porque tudo vai ser arrumar com o tempo, tenha paciência!

– Como não morávamos juntos antes, tivemos que nos adaptar aos afazeres de casa. Está sendo muito bom montar a nossa casa juntos.

– A lua de mel, sem dúvida, será a melhor viagem da vida do casal! Então, programe com calma, procure lugares novos, diferentes e bons para descansar. Faça um roteiro e reserve bons restaurantes.

Troca de presentes: A troca foi super tranquila, dividimos um sábado para cada loja. Mas, sem dúvida, a melhor experiência foi na Tutto per La Casa, pois a Carina responsável pelas listas de casamento, faz uma espécie de roteiro e vai peça por peça vendo o que a gente precisa e etc.

 

Ficha técnica:

✓ Cerimonial e Assessoria – Thais de Carvalho Dias

✓ Celebrante – Padre Zé Roberto

✓ Local da Cerimônia – Nossa Senhora do Carmo Antiga Sé

✓ Local da Festa – Gávea Golf Club

✓ Vestido de Noiva – Madalena Salim

✓ Grinalda – Leila

✓ Cabelo e Maquiagem – Mauro Brettas

✓ Sapatos – Lidu

✓ Buquê e Lapela dos padrinhos – Raymundo Basílio

✓ Alianças – Francisca Bastos

✓ Música Cerimônia (Coral, Orquestra) – Ornamentus

✓ Música Festa (DJ, Banda, Sax, Bateria) – DJ Taw e Sax, ambos Rastropop

✓ Foto – Juliana Pessoa

✓ Filme – V Rebel Cinema One

✓ Decorador – Monica Cordeiro Guerra

✓ Iluminação – Two Lights

✓ Mobiliário – Commemorare

✓ Flores e Plantas – Raymundo Basílio

✓ Bolo – Regina Rodrigues

✓ Doces – Regina Rodrigues, Sabine Patisserie, Fabiana D’Angelo, Olenka Brownies, Barriga de Freira

✓ Bem-casados – Elvira Bona

✓ Chocolate – Carla Daudt

✓ Lembrancinhas Padrinhos – Always Paper

✓ Convite e identidade visual – Zen Serigrafia e MIA Estúdio Criativo

✓ Roupa do noivo – Só a Rigor

✓ Manobra e Segurança – Gávea Golf Club

✓ Hotel da noite de núpcias – Copacabana Palace

✓ Lua de mel – EMS Viagens

✓ Lista de presentes – H.Stern Home, Fast Shop, Tutto Per La Casa e Elle et Lui Home

Deixar um comentário