Sabemos que existe a tradição da noiva levar um buquê na cerimônia de seu casamento e depois jogá-lo às suas convidadas, mas vocês sabem o porquê desta tradição? Como ela surgiu?

As noivas começaram a jogar o buquê à partir do século 14, na França. Nesta época, o buquê já era utilizado nos casamentos com ervas aromáticas e alho, usados para afastar os maus espíritos e trazer boa energia ao casal. Depois as ervas foram substituídas por flores, símbolo de fertilidade, ganharam cores e composições que os transformaram em acessórios indispensáveis.

rDV549Am5DoKHmwslUwiIvujj8zVeIG5em8iawbvqs8-512x475
Foto: Ribas

A hora do buquê é um dos momentos mais divertidos e aguardados da festa. Segundo a tradição, quem conseguir pegá-lo será a próxima a se casar. Muitas noivas preferem não jogar seu buquê para guardá-lo como lembrança, mas ainda assim a tradição permanece, para esses casos são encomendados um segundo buquê.

jogando-o-buque-rodrigo-sack-caseme-633x475
Fotos: Rodrigo Sack

Essa tradição já sofreu mudanças e algumas noivas estão inovando quando o assunto é jogar o buquê, confira:

◊ Mini buquês com amarração: a noiva segura o buquê como se fosse um só, é feito de mini arranjos de flores, amarrados entre si. Ao jogar eles se separam, assim mais de uma convidada fica com parte do buquê.

09132008028
Foto: Reprodução

◊ Buquê Santo Antônio: na tradição católica, Santo Antônio é o santo casamenteiro. Pensando nisso, algumas noivas apostam em jogar uma, ou mais réplicas de pelúcia do Santo.

buque-santo-antonio-caseme-1024x1024
Fotos: Ribas

◊ Buquê sapinhos: jogar sapos de pelúcia, simbolizando que a convidada que pegá-lo encontrará um príncipe.

buquc3aa-de-sapinhos
Foto: Reprodução

◊ Whisky: os noivos não precisam mais ficar de fora da brincadeira, eles podem jogar uma caixa (vazia) da bebida para os amigos, e quem pegar ganha a garrafa.

buque-whisky-caseme-1024x768
Fotos: Ribas

 

Deixar um comentário