Você já ouviu falar em identidade visual do casamento? Sabe o que é, e como a cenografia se encaixa neste contexto? Entenda como eles são aplicados na decoração do casamento:

Segundo o Wikipedia: “Identidade visual é o conjunto de elementos formais que representa visualmente e de forma sistematizada, um nome, uma ideia, um produto, uma empresa, instituição ou serviço. Esse conjunto de elementos costuma ter como base uma logomarca.”

E como a identidade visual é aplicada em um casamento?

A identidade visual dita as regras para que o decorador harmonize e alinhe todos os elementos visuais do casamento, como por exemplo o convite, o menu, as plaquinhas de reservado, as flores, as cores, as estampas das almofadas, os fechamentos dos ambientes e todos os outros detalhes que compõe a decoração/cenografia de um casamento.

Criar essa harmonia visual, de acordo com o estilo dos noivos, é chave para uma decoração com personalidade.

Segundo o Wikipedia: Cenografia é a arte e ciência de projetar e executar a instalação de cenários.”

Nos casamentos ela trabalha iluminação, disposição do mobiliários, mistura de texturas e elementos para criar ambientes personalizados. O trabalho do cenógrafo é transmitir através de elementos personalizáveis a imagem que o decorador vislumbrou para o casamento.

Temos visto em muitos casamentos da nossa coluna Cliques dos casamentos pelo Brasil, que a tendência em cenografia hoje são as decorações aéreas com luzes de gambiarra, muito paisagismo, velas penduradas, lustres enormes e outros elementos para compor cenários suspensos.

.

.

.

.

.

 

Um novo design aponta também para a reformulação da tradicional mesa de doces, que hoje adota outros formatos, além da composição com diferentes alturas de mesas e apoios, por vezes ela ultrapassa o limite de uma mesa para virar uma sala de doces, ou mesas suspensas como grandes balanços, ou ainda uma parede com inúmeras gavetas de onde saem os doces, como a criada pela decoradora Patricia Vaks. (veja também: O novo lugar dos doces no casamento)

 

Para que toda a decoração obedeça à mesma identidade visual, o decorador encomenda ao cenógrafo os trabalhos de design da pista de dança, envelopamento de paredes e móveis com estampas ou texturas, confecção de almofadas com desenhos personalizados, tapetes e muitos outros itens decorativos personalizáveis.

Para quem ainda não entendeu a diferença entre identidade visual, cenografia e decoração, aqui vai uma explicação simples: a identidade visual é o conceito do casamento que será transmitido aos convidados pelo decorador através da cenografia.

Mas não se preocupe, quem irá coordenar a identidade visual e a cenografia do seu casamento será o seu decorador, basta deixar tudo claro durante as suas reuniões.

 

* Foto destaque Rodrigo Sack / Decoração Marcela Lenz César

 

Leia mais:

Frutas, verduras e legumes na decoração de casamento

Casamento Mariana e Rodrigo

Vestido mãe da noiva: por onde começar?

Deixar um comentário