Neste post o CaseMe vai dar voz ao ManiFesta, um manifesto escrito por um grupo que representa uma voz maior, a voz de todos os DJs. Uma declaração de princípios em defesa da comemoração perfeita.

Em meio ao agito, eles são os únicos com fones de ouvido. Estão atentos. Dão vida a festas, privadas ou corporativas, animam a pista em boates, dominam o repertório da happy hour ao after. Através da música, agem como maestros, mas regem sentimentos, mexem com as emoções do público, movidos por uma saborosa mistura de prazer artístico e dever do ofício. Eles são os DJ’s e vão abaixar o som por instantes para dar um recado da maior importância. Já passou da hora de chegar ao Rio de Janeiro um conceito difundido em outras praças, desenvolvido a partir da experiência, e da excelência, de profissionais que trabalham duro para garantir a alegria. A idéia ganhou um nome, maniFesta, e tem por propósito tornar a festa, qualquer festa, inesquecível.

Trata-se, em linhas gerais, de conciliar de forma racional, e customizada, os muitos detalhes que compõem um evento, em vez de encaixá-los sempre na mesma fórmula e torcer para dar tudo certo. Bar, decoração, buffet, luz som são interligados: um não funciona sem o outro e, convenhamos, na cabine do DJ bate o coração dessa estrutura. Corre no mercado a parábola certeira: Na pista de dança, os noivos (o casal anfitrião) são o oxigênio, o bar é o combustível e os DJs, a faísca. Com a música certa, os anfitriões se empolgam, os convidados são atraídos e se incendeia a festa, com o apoio do bar.

O que parece mágica – um festão em que tudo dá certo – pode ser planejado em detalhes, como a disposição do espaço sugerida no parágrafo anterior. Eis aqui o pulo do gato. É necessário, para começar, não contrariar as evidências. Nestes tempos em que O DJ atrai multidões (o inglês Fatboy Slim e seu famoso público de 150 000 pessoas no Aterro do Flamengo, em 2004, ou o Riocentro lotado a cada apresentação do francês David Guetta, para ficar em apenas dois exemplos), sua cabine de trabalho torna-se obrigatoriamente um lugar de destaque. De seu posto, o DJ tem que ter condições de avaliar o cenário com precisão. Toma uma decisão a cada quatro minutos, a cada música, controla os movimentos na pista do início ao fim. Com as condições necessárias, faz a diferença.

Uma relação de medidas compõe a proposta. A lista inclui, entre outros tópicos, a produção de um mapa de palco, a integração total da cabine do DJ ao ambiente planejado e uma estrutura concebida para tirar o melhor de todos os fornecedores reunidos. Chegou a vez do maniFesta!

 

Deixar um comentário