As sandálias para as convidados já fazem parte da expectativa  de quem vai a um casamento. É claro que este não é um item obrigatório. Mas o conforto que elas oferecem é algo sempre desejado por todos. As havaianas, e outros tipos de sandálias, deixaram de ser uma novidade e viraram um must have.

 

As noivas que não curtem havaianas buscam alternativas dentro do seu gosto, mas sempre procuram atender a esta exigência natural que cresceu com a pista de dança.

 

E na hora de encomendar as sandálias, muitas noivas ficam na dúvida de quantos pares devem ser comprados. Afinal qual é a quantidade ideal?

 

 

Para saber a quantidade certa de sandálias para seus convidados, use esta linha de raciocínio bem rápida e prática:

 

Homens não sofrem com dores e desconforto nos pés por conta do salto, então as havaianas podem ser distribuídas apenas para as mulheres. É legal ter uma margem para os homens? Claro, é o cenário ideal. Mas sabemos que o orçamento de um casamento vive de puxar daqui para caber ali, e concessões são sempre feitas. Aqui está uma das fáceis. Você pode simplesmente economizar aí.

Considere, portanto, metade da sua lista de convidados e acrescente 10%, para não correr o risco de faltar.

 

Cálculo básico para definir quantidades:

 

25% tamanho 35/36

50% tamanho 37/38

25% tamanho 39/40

* este cálculo também é válido para sapatilhas

 

 

Celebration Shoes

 

 

Só Chinelos

 

 

Vale a pena dar uma atenção especial para as mães e madrinhas. Para não correr o risco de faltar pares para pessoas importantes. Pergunte a numeração de calçado de cada uma, e peça para sua cerimonialista separar com antecedência. 

 

Vale a pena distribuir havaianas ou sandálias no seu casamento?

 

Se o seu orçamento permitir, sim vale o investimento. Elas ajudarão a manter a pista de dança cheia e animada, além de servir como uma lembrança bastante útil.

 

 

Leia também:

 

Passo a passo para organizar meu casamento

Nutrição para combater o estresse e a ansiedade

Vestido de noiva – tudo o que você precisa saber

Deixar um comentário