A família Real Brasileira Orleans e Bragança casou, no dia 26 de agosto, uma de suas princesas. O casamento da Thê, como é carinhosamente chamada por seus amigos, teve duas cerimônias. A primeira, apenas para familiares, no Outeiro da Glória, local onde outros membros da família se casaram, e a segunda, desta vez simbólica, foi na casa onde cresceu no Alto da Boa Vista, seguida de uma grande festa para os amigos e familiares. A casa reflete a imponência de uma família tradicional, com uma linda arquitetura e um  grande jardim, dando nome ao lugar: Jardins do Alto.

A delicadeza dos detalhes em conjunto com uma bela decoração, com ar de Toscana, fizeram deste casamento um verdadeiro Casamento Real.

Veja todos os detalhes aqui:

 

 

Noivos: Maria Thereza de Orleans e Bragança e Guilherme Zanker

Data: 26/8/2017

Local: Jardins do Alto no Rio de Janeiro

 

◊ ANTES DO CASAMENTO

História do casal: Nos conhecemos no casamento de amigos em comum, na Toscana, em junho de 2015. O Guilherme é amigo do noivo, carioca morando em São Paulo há 7 anos, e eu, amiga da noiva. Nos conhecemos no welcome dinner do casamento, no dia 05/06/15, e ficamos juntos na festa de casamento, no dia 06/06/15. Desde então ficamos na ponte aérea até vir o pedido de noivado, no dia 14/02/16, 7 meses depois. A partir daí começamos a organizar o casamento juntamente com minha mudança gradativa para São Paulo.

 

O pedido de casamento: O pedido foi feito em Londres, durante o Valentines Day, quando estávamos visitando minha irmã que mora lá. Meu anel de noivado foi da Lisht.

Temos muitas afinidades, mas acho que é maior delas é gostar muito de viajar.

 

◊ O CASAMENTO

Os preparativos: Começamos a organizar com 1 ano e meio de antecedência e fizemos tudo com calma. Escolhemos a data 26/08/17, pois a soma de todos os números da 8, o símbolo do infinito deitado.

Como minha mãe já tem a casa de festa, então contamos muito com a ajuda dela e dos parceiros com quem ela trabalha. O cerimonialista foi o mesmo do casamento da minha irmã há 6 anos atrás, um profissional que a minha família já tem bastante afinidade e confiança.

O noivo participou de cada etapa e cada detalhe.

 

O vestido de noiva: Para decidir meu vestido peguei algumas fotos na internet como referência, pois queria algo simples mas com um toque diferenciado. Fui a algumas estilistas mas acabei me identificando muito com a Nanna Martinez, ela captou perfeitamente o que eu queria e saiu MUITO melhor do que eu imaginava.

Meu vestido de noiva tinha uma cauda bem grande, que precisei amarrar no inicio da festa, mas foi tranquilo, ele já veio preparado para isso.

 

A principio não ia usar véu, mas acabei decidindo usar o véu da minha mãe, que por acaso combinou perfeitamente com a renda do vestido.

 

Acessórios: Queria usar algo diferente no cabelo. Cheguei a ver algumas flores de tecido coloridas, mas me apaixonei pelas flores de prata banhadas a ouro rosé, da RC Brides, do Rodrigo Coelho, marido do G Junior, que foi quem contratei para fazer meu cabelo e maquiagem.

O que eu posso dar de dica para as noivas é: procure muitas referências e nunca se contente com o ” mais ou menos”, você tem que amar!

 

Making of: No dia do casamento me arrumei na minha casa, e ele na casa do meu cunhado, que fica no mesmo terreno. Combinamos de não nos ver durante a semana anterior ao casamento, mas como casamos na igreja alguns dias antes não conseguimos ficar muito afastados.

Pouco nos falamos nos 2 dias anteriores, que são os mais tensos, pois eu estava muito estressada e queria poupá-lo. Por outro lado, estávamos curtindo nossos últimos dias solteiros, ele com a sua família que mora fora do pais e eu com minha família.

 

Cerimônia: Tivemos duas. A primeira foi no Outeiro da Glória, no dia 24/8, apenas para a família. Escolhemos o padre Jorjão e o padre Sergio que são os padres amigos da minha família, e o Outeiro porque todos da minha família casaram lá, o local tem um valor sentimental muito forte. E a segunda, no dia 26, pois queria realizar uma cerimônia na casa onde cresci, Jardins do Alto. O lugar é lindo e fomos abençoados com um dia ensolarado e frio, com uma luz perfeita para uma festa no jardim.

Nosso celebrante foi novamente o padre Jorjão, mas desta vez foi apenas para realizar uma cerimônia simbólica. Foi bem emocionante, pois ele já conhecia bastante a família e também a nossa história.

 

Padrinhos e madrinhas: Foram 20 madrinhas e 14 padrinhos, entre primos, amigos, irmãos e cunhados.

 

Damas e pajens: Tivemos 3 casais, sobrinhos e filhos de grandes amigos. Teve até briga para ver quem carregava as alianças e alguns deles só entraram quando os pais fizeram promessas, como por exemplo: vai ganhar brigadeiro ou até mesmo viagens para Disney. Tudo para convencer eles a entrarem. No final apenas uma das daminhas não entrou, ficou assustada.

 

Local da festa: Foi na casa onde cresci, nos Jardins do Alto.

 

Decoração: Queria um leve toque de Toscana, mas sem parecer uma festa temática. Não queríamos nada pretensioso, mas queríamos algo bonito, chique e leve, de uma forma que os convidados se sentissem em casa. Esse era o caminho a seguir, queríamos que todos se sentissem em casa. Escolhi cada detalhe junto com as minhas decoradoras, que conseguiram transformar nosso sonho em realidade.

 

Música da festa: O dj foi o Alexandre Kahl, que também fez o casamento da minha irmã também e que adoro! Foi ótimo e a música que marcou na minha opinião foi a boa e velha: Dog days are over.

 

Buffet: Buffer foi o Demar Buffet, que já trabalha com minha mãe há algum tempo. Sempre gostei muito da comida e confesso que não me preocupei muito com menu, pois conhecia e confia em seu trabalho.

Servimos: proseco brüt e rose, Blacklabel, gin tônica; stella artois, vinho tinto e caipirinhas diversas.

Como haviam muitos convidados de São Paulo, colocamos Mate Leão e biscoito Globo para dar um toque carioca.

 

Registros: Contratamos fotos do Rodrigo Sack e filmagem da Ag2 Digital.

 

Convidados: Fizemos um casamento para 400 convidados, para isso convidamos 620 pessoas, mas acredito que tivemos 350 convidados, muitos eram de fora do país e de SP.

 

◊ APÓS O CASAMENTO

Lua-de-mel: Após o casamento viajamos para Dubai e Maldivas.

Dicas importantes sobre a organização pós casamento + lua-de mel + novo apartamento: Recomendo não viajar logo em seguida, tenha ao menos 1 dia de descanso, até porque vocês, noivos, vão querer comentar tudo sobre o casamento, a viagem logo em seguida atrapalha essa resenha. E isso sem falar na ressaca e cansaço…

Presentes: Ainda não agradecemos os presentes, está muito recente, isso ficará mais para frente.

 

Ficha técnica:

✓ Cerimonial – Sérgio Felipe Coutinho

✓ Celebrante – Padre Jorjão

✓ Local da cerimônia e festa – Jardins do Alto

✓ Vestido da noiva – Whitehall Ateliê por Nanna Martinez

✓ Véu – de família

✓ Acessórios – RC Brides, Rodrigo Coelho

✓ Make e cabelo –  G Junior

✓ Sapatos – Lidu

✓ Buquê, lapelas, coroa de flores e buquê daminhas – Aurora Atelier Floral

✓ Roupa damas e pajens – Loja Bonita

✓ Alianças – H.Stern

✓ Músico – Marquinhos

✓ Dj – Alexandre Kahl, da Endorfina Eventos

✓ Iluminação – André Garcia

✓ Foto – Rodrigo Sack

✓ Filme – Ag2 Digital

✓ Buffet – Demar Buffet

✓ Decoração – Clara Nóbrega Decor

✓ Mobiliário – Portal do Oriente

✓ Flores – Marcos Vinicius Santos

✓ Bolo – Dirce Correa

✓ Doces – Denise do Rego Macedo, Christianne Guinle, Fabiana D’Angelo, Levy Patisserie, Pão de mel da Fafá, Barriga de Freira e Les Amants du Chocolat

✓ Bem-casados – Conceição Bem-Casados

✓ Convite – Eurostile

✓ Aquecedores – Mc Locações

✓ Objetos – Essencial Etc e Depósito de Ideias

✓ Lua de mel – Kangoroo Tours

✓ Lista de presentes – H.Stern Home e Tutto per la Casa

 

 

 

Leia mais:

Tiffany lança coleção para ajudar na preservação dos elefantes

Lucas Anderi organiza desfile para apresentar sua nova coleção Nas Nuvens

Aprenda quando não se deve usar vela na decoração do casamento

Deixar um comentário