Os 16 tipo de personalidades no relacionamento Fellipelli-3

O que cada tipo de personalidade valoriza em um relacionamento?

Cada tipo de personalidade do MBTI tem diferentes necessidades e desejos em um relacionamento. Todos os tipos desejam respeito e bondade, mas existem certos valores que são mais importantes para alguns tipos de personalidades do que para outros.

Conhecer os pontos que são importantes para seu parceiro pode te ajudar a ter um relacionamento mais feliz e com menos conflitos.

E se você não está em um relacionamento, conhecer essas dicas pode te ajudar a ver o que é importante para um(a) parceiro(a) em potencial e o que é menos importante.

Então vamos conhecer as características dos 16 tipos de personalidade em relação ao relacionamento à dois e aprender como lidar com as diferenças entre eles?!

Continue reading

ciúme no relacionamento

Você com certeza já sentiu ciúme alguma vez na vida! Sim, ele é um sentimento quase que inevitável. Pode aparecer na infância quando nasce um irmãozinho ou com amigos na escola, e muito provavelmente quando se inicia uma relação amorosa.

Então se você sente ou já sentiu ciúme está tudo ok, é natural sentir medo ou se sentir ameaçada(o) por uma perda afetiva; o problema é quando o ciúme passa a causar sofrimento em você ou no(a) seu parceiro(a), e isso pode ser mais frequente do que você imagina. Não é atoa que o ciúme aparece como uma das principais causas do fim de muitos relacionamentos.

Se você está em um relacionamento onde o ciúme é o fio condutor de discussões entre vocês, veja algumas dicas de como vocês podem melhorar.

Vamos lá?

Continue reading

Quando escolhemos um parceiro/parceira para compartilharmos a vida, percebemos que dividiremos também muitas experiências, compromissos, responsabilidades e preocupações, além dos planos de vida e alegrias.

Alguns dos meus coachees me perguntam como devem proceder no caso de realizarem uma união ou casamento inter-religioso. Essa é uma questão muito interessante e delicada, visto que cada pessoa traz de suas famílias a referência de formação ética, valores e também crenças religiosas.

E ai? Como lidar com tudo isso? Continue reading