A história da Pollyana e do Jean é uma linda história de amor, porém um pouco inusitada. Pollyana foi pedida em casamento, literalmente, um dia antes do casamento civil! Quer saber porque? Conheça mais sobre a história do casal e veja como foi seu casamento.

 

Noivos: Pollyana Jacobsen Teixeira e Jean Lazaridis Junior

Data: 27/05/2017

Local: Casa de Santa Teresa, RJ

 

◊ ANTES DO CASAMENTO

História do casal: Sou de São Paulo e o Jean do Rio de Janeiro, mas nos conhecemos em Madrid, em outubro de 2013. Fui para Madrid estudar um máster em setembro daquele ano e uma amiga minha, preocupada por eu estar sozinha em um pais que eu mal conhecia, passou o contato de um amigo dela que, coincidentemente, fazia MBA na mesma escola de negócios que eu ia estudar. Após alguns desencontros, marcamos um jantar em um gastrobar que durou mais de 4 horas. No dia seguinte ele me convidou para uma festa para me apresentar seus amigos. Em uma semana fomos passar um feriado juntos em uma praia, e foi onde rolou nosso primeiro beijo. E desde então nunca mais nos desgrudamos. Em 1 mês já morávamos juntos, moramos juntos em Madrid por 1 ano e meio. Lá estudamos, trabalhamos, e aproveitamos para desfrutar o melhor da gastronomia espanhola e viajar muito. Com o Jean, voltei a ter prazer na vida. Aprendi a cozinhar, a desfrutar de um bom vinho e de uma boa companhia.

Em seguida, em 2015, fomos morar na Inglaterra, pois o Jean havia conseguido um emprego em Londres. Por eu ser brasileira, tive dificuldades em encontrar um emprego no país. Com isso, resolvemos nos casar no civil (o Jean tem dupla cidadania grega / brasileira), já que eu já estava com uma proposta de trabalho em mãos. Nos casamos da forma mais burocrática possível. O Jean chegou um dia antes em São Paulo, nos casamos, e no dia seguinte voltou para a Inglaterra. Aliás, o Jean conheceu minha família no dia do casamento! Imagine a situação! Com o visto em mãos consegui o emprego e voltei a Londres. Moramos mais uns 6 meses na cidade, porém, não nos adaptamos e resolvemos voltar ao Brasil (São Paulo). Desde então, resolvemos fazer uma festa para comemorar nossa união. Como nosso casamento havia sido mecânico e super burocrático, planejávamos uma festa divertida em que pudéssemos celebrar nossa união de verdade, com nossa família e nossos melhores amigos.

 

O pedido de casamento: A decisão de nos casar foi acelerada em função da minha necessidade de visto para trabalhar em Londres. Com isso, o pedido de casamento aconteceu após nossa decisão de nos casar, mais precisamente um dia antes do casamento! O Jean chegou um dia antes em São Paulo para nosso casamento civil. Antes de viajar ele começou a me enviar vídeos, nos pontos de Londres que mais gostávamos, contando nossa história e fazendo declarações de amor. Ao chegar em São Paulo, ele pediu para um motorista me buscar em casa e me levar a um hotel. Aí me surpreendeu com um pedido de casamento com um lindo café da manhã no quarto. Foi realmente surpreendente ser pedida em casamento 1 dia antes de me casar! kkkkkkkkk

◊ O CASAMENTO

Os preparativos: Marcamos a data 1 ano antes do casamento. Como nos conhecemos na Europa, já sabíamos que contaríamos com muitos convidados estrangeiros. Com isso, decidi casar no Rio de Janeiro, cartão postal do Brasil e cidade da família do Jean.

Planejava um casamento diferente, mais informal, mais intimista e com uma linda vista. Com isso, me apaixonei quando conheci a Casa de Santa Teresa. Era tudo o que imaginava: presentear meus convidados com a vista mais deslumbrante do mundo: o Pão de Açúcar.

Os preparativos foram tranquilos. Como eu moro em São Paulo, contratei um cerimonial uma vez que não teria muito tempo disponível para visitar muitos fornecedores. Tive também ajuda de algumas amigas que nos ajudaram com recomendações de fornecedores.

 

O vestido de noiva: Assim como na cerimônia, para o vestido eu também buscava algo diferente de tudo o que eu já tinha visto: nada de rendas ou brilhos. Não faço muito o estilo romântica, então buscava algo simples, porém de muito bom gosto. Achei meu vestido na Pronovias.

Dica: Uma dica que eu passo para minhas amigas noivas é visitar aquelas lojas com muitas opções de vestido (geralmente lojas de aluguel) e provar dezenas de peças para ver o que realmente lhe cai bem. Isso porque as vezes temos um modelo em mente que, no final, no corpo não fica aquilo que havíamos imaginado. Eu mesma planejava um vestido leve e super simples, e acabei casando com um Pronovias com uma saia enorme, cauda e véu de 3,5m!

Acessórios: Para os acessórios, encomendei um fascinator na Casa Vasconcelos bem do jeito que eu queria: com penas mas não muito chamativo.

Para os brincos, comprei um modelo da Patricia Bonaldi by Vivara: um ear cuff de pérolas.

 

Making ofEu me arrumei no hotel PortoBay, em Copacabana, e o Jean na casa dos pais, em São Conrado.

Cerimônia: Quando decidimos fechar nossa cerimônia e festa na Casa de Santa Teresa, buscamos um celebrante que fugisse do senso comum e dos discursos prontos: queríamos alguém que contasse nossa história de uma forma leve e divertida, e que os convidados saíssem da cerimônia com uma linda mensagem de amor. Foi aí que conhecemos o Bruno, do BemDito Casamento (recomendação de uma amiga que foi a uma celebração realizada por ele). Conversamos separadamente com ele por cerca de 4hs – cada um com seu ponto de vista de nossa história, do nosso encontro.

O Bruno superou nossas expectativas, com um lindo e emocionante discurso que foi construído pensando em cada detalhe de nossa história, traduzindo palavras em sentimentos, que tocaram o nosso coração e nos levaram as lágrimas.

Contamos também com mensagens de 2 padrinhos queridos – minha amiga que nos apresentou e um amigo do Jean que nos ajudou muito nos primeiros meses em Londres.

Padrinhos e madrinhas:  Tivemos 8 casais de padrinhos no total, 4 de cada lado. Os padrinhos usaram terno e gravata e as madrinhas tiveram liberdade em usar qualquer vestido, curto ou longo.

 

Damas e pajens: Planejamos 5 daminhas e pajens porém somente 2 entraram: minha prima de 4 anos e o sobrinho do Jean de 3.

Local da festa: Conheci a Casa de Santa Teresa por meio de uma amiga do trabalho que foi a um casamento lá. Ela voltou apaixonada e me mostrou as fotos. Fiquei louca com a vista e logo marcamos uma visita para conhecer.

Nossa cerimônia superou minhas expectativas. Além da vista maravilhosa, a Patricia Vaks fez um trabalho incrível de decoração que trouxe ainda mais alegria e vida ao lugar.

Ainda tivemos a sorte de contar com um dia lindo e o Pão de Açúcar aparecendo como uma pintura em nossas fotos.

Decoração: O projeto foi idealizado pela Patricia Vaks. Eu passei um briefing bem detalhado, pois buscava por uma decoração estilo rústico-chique: alegre, intimista e de bom gosto – com uma paleta de cores outonal.

A Patricia acertou em cheio e a decoração foi além do que eu havia imaginado. Trouxe à Casa um toque de requinte e sofisticação, mantendo o ambiente alegre, leve e confortável.

Música da festa: Escolhemos o DJ Janot, pois o Jean já o conhecia de algumas festas no RJ e também por ter sido uma grande recomendação da casa.

Tivemos algumas músicas marcantes em nosso casamento, como nossa música de entrada na festa, Rather Be, e algumas músicas latinas que nos remetiam a nossa vida de balada na Espanha.

Buffet: Contratamos o buffet Pimenta Rosa no estilo menu volante e uma estação fixa com algumas opção quentes. Apesar do buffet preparar nossa refeição antes de nossa entrada na festa, eu não consegui comer nada de tanto nervosismo.

De bebidas, contratamos o Cria Bar Drinks e servimos cervejas, espumante, vinho tinto, whisky, gin tônica, caipirinhas, mojito, tequila, entre outros drinks.

Registros: A Marina Fava fez as fotos e o Amor de Cinema o filme. Usamos a #pollyejean2017.

Convidados: Planejamos a festa para 130 convidados, porém convidamos 220 pessoas, uma vez que 95% dos convidados viriam de São Paulo ou do exterior (ou seja, seria praticamente um destination wedding).

Ao final, chegamos a 175 confirmações, cujo RSVP foi realizado de forma passiva pelo site. Na festa contamos com 170 pessoas – sendo 160 de fora da cidade!

Para falar a verdade, ficamos bastante surpresos com o número de confirmações. Isso porque sabemos o quão dispendioso é viajar para outra cidade para ir a um casamento.

Como estávamos muito receosos de termos muitos declines, minha estratégia foi caprichar no convite, de forma que o convite servisse com um teaser para nossa festa. Conversei com a Susana Fujita e enviei para ela uma foto, tirada por mim, da vista da casa. O pai dela fez uma linda pintura da vista em aquarela, que estampou nossos convites e, certamente, fez a diferença – ao menos pela originalidade.

◊ APÓS O CASAMENTO

Lua-de-mel: Pelo Jean ter descendência grega (seu pai é grego) decidimos passar nossa lua de mel na Grécia. Fizemos o roteiro de 2 semanas passando por Atenas, Creta, Santorini e Mykonos.

Super recomendo! São cidades lindas, românticas e com uma gastronomia incrível, onde pudemos relaxar e recarregar as baterias pós casamento.

Presentes: Recebemos os presentes pelo site e pela lista do Espaço Santa Helena. Sei que não é o ideal, mas agradecemos os presentes de forma informal, via email, whatsapp ou presencialmente.

 



 

Ficha técnica:

✓ Cerimonial e Assessoria – Maria Clara Wermelinger

✓ Celebrante – BemDito Casamento

✓ Local da Cerimônia e Festa – Casa de Santa Teresa

✓ Vestido de Noiva e Véu – Pronovias SP

✓ Cabelo e Maquiagem – Manu Guerra

✓ Acessórios – Casa Vasconcellos e Vivara

✓ Sapatos – Luz da Lua

✓ Buquê e Lapelas dos padrinhos – We Do Botanica

✓ Alianças – Hearts of London (UK)

✓ Música Cerimônia (Coral, Orquestra) – Cássio Vieira

✓ Música Festa (DJ, Banda, Sax, Bateria) – DJ Janot / SAX Joel Ferreira

✓ Foto – Marina Fava Fotografia

✓ Filme – Amor de Cinema

✓ Buffet – Pimenta Rosa

✓ Decorador – Patricia Vaks

✓ Mobiliário – Festah

✓ Flores e Plantas – Orlando Ambrósio

✓ Bolo – Ana Salinas

✓ Doces e Chocolates – Stefan Behar Sucre

✓ Bem-casados – Olenka

✓ Convite e identidade visual – Susana Fujita

✓ Carro – Go Noivas

✓ Roupa do noivo – Hugo Boss

✓ Manobra e Segurança – Casa de Santa Teresa

✓ Hotel da noite de núpcias – PortoBay Hotel Copacabana

✓ Lua de mel – Grécia

✓ Lista de presentes – Site e Espaço Santa Helena

 

Leia mais:

Casamento Suzana e Eduardo

Filmes de casamento: Luma Filmes em Trancoso

“Do Disturb” por Marina Fava

Deixar um comentário