Arrumem suas malas que nosso destino de hoje é na África!

Vamos viajar para Cidade do Cabo e depois vamos fazer um safári! Kruger National Park ou Madikwe Game Reserve? Onde ficar? Veja todas as dicas aqui e planeje a sua lua de mel.

 

◊ ​​​​​​​​​​​​​​​​​​​Cidade do Cabo

Dentro de uma generosa e bela moldura natural, a Cidade do Cabo (Cape Town) surge como um destino de paisagens arrebatadoras.

Lojas, bistrôs, museus e galerias de arte dão o tom cosmopolita à esta cidade africana de noites vibrantes e gastronomia impecável, digna de jantares românticos harmonizados com vinhos premiados locais.

• Victoria & Alfred Waterfront

O porto de Cidade do Cabo é uma das áreas mais vivas da cidade. Repleto de restaurantes e lojas, os iates ao fundo compõem a paisagem enquanto grupos de música africana se apresentam no local.

• Cape Quarter

Antiquários, ateliês de artistas emergentes, lojas de móveis de design e boutiques modernas são alguns dos endereços que podem ser encontrados pelos corredores do Cape Quarter, no bairro de Green Point.

 

• Table Mountain

A imponente Table Mountain, ou Montanha da Mesa, é o cartão-postal da Cidade do Cabo.

Quem sobe de bondinho prefere uma vista limpa, sem nuvens, mas quem a avista de baixo, se encanta com as nuvens que a rodeiam, dando a impressão de que a montanha está coberta de neve ou cuspindo lava branca.

• Praias

Lindíssimas e límpidas, as praias de Cidade do Cabo são um convite irrecusável durante os dias de calor. Mesmo de águas frias, não param de receber visitantes todos os dias, como em Camps Bay, onde é possível observar tanto o movimento no calçadão, quanto os parapentes que flutuam no ar.

⇒ Hotéis

 

• Belmond Mount Nelson

Localizado a poucos passos do Company Gardens, o hotel Mount Nelson oferece uma experiência relaxante no centro da agitada Cidade do Cabo. Seus quartos, individualmente decorados, são amplos, elegantes e possuem jardins privativos.

Destaque para o famoso chá da tarde, servido diariamente nos exuberantes jardins do hotel.

• Taj Cape Town

O Taj Cape Town fica no charmoso St. George’s Mall, um conjunto de ruas para pedestres no centro da cidade com lojas, bares e restaurantes.

O imponente edifício do hotel é histórico. Por décadas, abrigou o Reserve Bank, o banco central do país.

Para os paladares exigentes, o Taj oferece dois restaurantes e um bar especializado em champanhe e frutos do mar.

 

 

◊ Safáris

As possibilidades de roteiros que a África do Sul oferece são especiais, principalmente para os casais, mas existem opções para todos os perfis de viajantes. Há a África da Cidade do Cabo, que é absolutamente vibrante e cosmopolita, enquanto os safáris transportam os visitantes para cenários exóticos onde quem manda são os animais.

Conduzidos por especialistas que nasceram na região do Kruger Park, nenhum animal, mesmo longe ou camuflado, escapa do olhar do tracker, o responsável por localizá-los enquanto o ranger conduz o jipe e fala sobre cada um deles.

O safári completo é aquele que os visitantes veem os chamados Big Five – rinoceronte, elefante, leão, búfalo e leopardo. No passado, eram conhecidos por este nome por serem os mais temidos da África. Hoje não são mais caçados, mas a expressão permanece.

 

Boma Dinner

boma dinner é um típico jantar africano, servido ao redor de uma fogueira em uma área cercada ao lado do lodge. A experiência é para lá de romântica e perfeita para encerrar um dia de safári.

 

⇒ Regiões

 

• Kruger National Park

Maior parque nacional da África do Sul e um dos mais conhecidos do mundo, o Kruger Park abriga mais de 147 espécies de mamíferos, aves, anfíbios e répteis, além dos imponentes Big Five, nativos da região.

• Madikwe Game Reserve

A reserva de Madikwe é uma das áreas de conservação mais interessantes na África do Sul. Uma de suas principais atrações fica por conta do raro rinoceronte preto, além de também reunir os Big Five e outros animais.

Lodges Kruger Park

 

• Sabi Sabi Bush Lodge

As suítes do Sabi Sabi Bush Lodge ficam em plena savana, voltadas para uma extensa planície e um pequeno lago. Enquanto tomam banho, os hóspedes avistam, com frequência através da parede de vidro, animais pastando ou bebendo água. Os quartos do Bush Lodge são decorados com belos objetos tribais da África.

• &beyond Kirkman’s Kamp

Cercado pela selva intocada, o casarão da década de 1920 está localizado em um espaço de 65 mil hectares privativos, dividindo limites com o Kruger Park.

Os 18 quartos têm belíssimas vistas do nascer e do pôr do sol. Espaço, tranquilidade e extraordinária iluminação fazem das visitas ao Kirkman’s Kamp uma experiência absolutamente especial.

• &beyond Ngala Safari Lodge

Atemporal, a atmosfera criada no Ngala Safari Lodge é acolhedora e gera um clima de nostalgia enfatizado pela decoração que prioriza os objetos coloniais, pratarias e taças de cristal. As 21 acomodações garantem o conforto e privacidade durante a estadia enquanto a área da piscina proporciona vistas fantásticas.

As refeições são servidas na sombra de uma enorme árvore onde os hóspedes podem se deliciar com pratos surpreendentes e jantares à luz de velas.

Lodge ​Madikwe

 

• Molori Safari Lodge

​Próximo ao deserto do Kalahari e à fronteira com Botswana, o Molori Safari Lodge possui cinco quartos elegantemente decorados e cercados por paredes de vidro.

Amplos decks cercam a piscina de borda infinita ornamentada pela rica vegetação local. Intimista, o hotel oferece atividades personalizadas de acordo com o desejo dos visitantes: desde safáris até observação astronômica.​

E aí? Malas prontas?

 

teresa-perez-tours-e-caseme-1-750x111

 

Leia mais:

5 motivos para adiar sua lua de mel

Porque você deve passar sua lua de mel na Austrália

Looks incríveis das novas coleções alta costura outono inverno em Paris

Deixar um comentário